Organizando quarto de criança – parte 1

>, Organização Residencial>Organizando quarto de criança – parte 1

 

Olá tudo bem?
Uma regra que sigo na casa toda é: guardar os pertences de cada integrante da família, em seus quartos. Por exemplo: os pertences do Don, incluem suas roupas, sapatos, utensílios de cama e banho, brinquedos e livros.
Quando trocam as estações, costumo fazer um trabalho mais detalhado daquele que faço no dia-a-dia. Quando entra o verão, embalo as roupas pesadas e as camisetas sem manga voltam para as gavetas por exemplo e vice-versa.
Abaixo, seguem algumas dicas preciosas para organizar o quarto dos pequenos:
  • Don tem um armário com prateleiras, cabideiro e uma cômoda. No armário, uma parte é roupeiro (guardo as roupas de cama, banho e itens de higiene); nas prateleiras maiores ficam algumas cestinhas, onde guardo os uniformes escolares (coloquei etiquetas dentro da cestinha, para identificar as peças – foto 4). Na cômoda de quatro gavetas ficam as roupas, dividido assim: gaveta de pijamas, gaveta de cuecas e meias guardadas em colmeias, gaveta de camisetas (manga curta e longa e sem manga – foto 5) e gaveta de shorts e bermudas. No cabideiro,  uso cabides próprios para crianças, ficam as camisas de gola, casacos, calças. As fantasias de super herois também ficam penduradas mas com cor de cabide diferente (foto 3). Uso o mesmo critério em todos os armários da casa, cabides do mesmo modelo, porque facilitam na visualização e também na estética e a sequência de roupas mais pesadas para as mais leves, assim como cores mais escuras para as mais claras, além de comprimentos de mangas e estampas.
  • Limpo as prateleiras e gavetas, com uma misturinha de água e vinagre de álcool em partes iguais, para tirar cheiro ou vestígio de mofo (quando seca, o cheiro do vinagre some, costumo fazer isto pelo menos uma vez por mês ou quando chove vários dias seguidos, aqui em Ubatuba é muito úmido).
  • A primeira tarefa é separar as peças da estação que passou, o que precisa de reparo e o que vai para a doação. Em seguida, separo as roupas mais pesadas de frio (se é verão) e guardo num organizador de plástico transparente, com zíper. Deixo apenas dois casacos de moleton fino, um com gorro e outro sem e dois pijamas longos de tecido fino também.
  • Os sapatos, guardo numa cestinha. Depois do uso, passo a mesma misturinha de vinagre e água por todo o sapato, deixo um pouco no sol e depois volta para a cestinha. Se vai usar o mesmo algumas vezes seguidas (ex: o tênis da escola), já fica no armário do hall de entrada e costumo lavar de 15 em 15 dias.
  • Os pijamas e joguinhos de capas de fronha e almofadas, já ficam em rolinhos, dobro as peças uma dentro da outra (ex: a calça ou short do pijama, posiciono por dentro da dobra da camisa, assim na hora de pegar já vem os dois juntos, o mesmo faço com as fronhas). Obs.: no instagram, nos destaques tem uma abinha que se chama ‘Org.Infantil’ – lá ensino o passo a passo da dobra de pijamas).
  • Troco a roupa de cama uma vez por semana, ou quando suja antes disso, e as toalhas de banho de três em três dias.
  • Passo somente as roupas de sair, fronhas e capas de almofadas, o restante tento dobrar logo que tiro do varal, pois evitam amassar muito, mas quando não é possível, apenas dobro cada peça ao meio e deixo dentro de uma bacia, até poder dobrar e guardar em seus devidos lugares, com exceção dos lençóis, estes já dobro na hora.
  • Na mala cinza, (malinha dele que foi para a maternidade),  guardo os edredons e mantinhas mais pesadas, só deixo para fora o que está em uso.
  • Você deve estar se perguntando, porque arrumar as gavetas se a criança vai mexer e desarrumar tudo? Veja bem, nossos filhos aprendem com o nosso exemplo e também com a visualização. Como ele saberá o que é estar organizado, se nunca viu? E como você poderá cobrar dele, se não pratica? Talvez esta seja a parte mais desanimadora de toda a tarefa de Organizar um quarto infantil, mas lembre-se que temos a obrigação de ensiná-los e isto requer um certo sacrifício, sempre.
Perceberam como existe diferença entre Organizar e Arrumar? Pois é! Para quem não está habituado, parece ser um trabalhão sem fim, mas te garanto que é justamente o contrário, pensa o quanto de tempo você vai ganhar, evitando procurar determinada coisa ou, ainda pior, gastar dinheiro com outra peça porque não achou a que você já tem.
Comece devagar, por uma gaveta, ou por uma prateleira, mas comece!!
Beijos,
Miriam
          
Mas. se você não tem tempo ou não tem paciência para este tipo de serviço, é só me chamar, eu faço pra você!
Beijo
Miriam
2018-06-15T07:02:22+00:00

2 Comments

  1. Larissa maio 8, 2018 at 7:31 am - Reply

    E os brinquedos dele, ficam onde?

    • Miriam Nupe junho 18, 2018 at 10:49 am - Reply

      Vou falar sobre isto na segunda parte. Beijos

Leave A Comment